5 Julho, 2006

uma dúvida que m’atormenta

Posted in causas às 12:12 por catarinia

Afinal como é que se diz? São “armas de destruição maciça” ou “armas de destruição massiva“?

É que não há jornal nem telejornal nenhum em que não apareça a forma maciça (ou qualquer uma das diferentes variações que já inventaram; desde maçiça – com as duas cedilhas e tudo, ah pois! – a massiça, é só escolher…).

Mas a aceitar esta forma – mesmo que maciça, a ortograficamente correcta – teríamos que assumir que seria uma destruição sólida, compacta, “não oca”. E “oco” é apenas o menor dos adjectivos que me ocorrem quando penso nos motivos pelos quais existem armas de destruição massiva – as tais que provocam uma destruição indiscriminada. Em massa, portanto.

Anúncios

8 comentários »

  1. AcesHigh said,

    tá aqui uma casinha bem arrumada sim senhora… 😉

    um beijo*

  2. João Silva said,

    Se fossem “armas de destruição maciça”, por oposição teriamos as “armas de destruição ocas”.
    Quando se fala deste tipo de armas, pretende-se referir armas com alto poder destrutivo, ie, armas de destruição em massa.
    Assim, a expressão correcta é “armas de destruição massiva”!

  3. Asulado said,

    Essa dúvida já é um bocado antiga, pá!
    A dúvida da moda (pelo menos no início do Mundial) era se se deveria escrever Trinidad e Tobago ou Trindade e Tobago. Achei piada àqueles que optaram por Trinidade e Tobago, como quem diz «desisto, risquem o que não interessa».

  4. queirosene said,

    E porque armas de “destruição”?! porque não armas de “Instrução” Massiva/maciça ?
    No fundo, está-se a instruir uma série de gente ao mesmo tempo. Aprendem logo a lição. Não??

  5. Roma said,

    Ora aí está. Massiva quer dizer duas coisas: são armas que custam muita massa, e são armas ricas em hidratos de carbono, nomeada e mormente Urânio, na maioria dos casos.
    Maciça, Massissa, Massiça, Massiça ou o diabo a quarto, perguntem à Edite Estrela, significa que são duras como a potassa. Ou seja, aquela merda onde quer que caia deixa uma cratera maior que a do Iúcatan, se realmente existir.
    Concordaria com o Queirosene, mas como escrevi no comment anterior, os Japoneses também não aprenderam a lição com Hiroshima e Nagasaki pois não? E ainda invetaram os atentados no metro com gás Sarin e essa traquitana toda não foi?
    Massiva, ou Maciça, quando eu me descalço chamo-lhe Holocausto isso sim. O fenómeno extintivo mais próximo da fronteira K-T!

  6. catarinia said,

    Ena pá! Tantos comentários… Já não pode uma mocinha perder-se num “vou ali e já venho”, que dá nisto!

    AcesHigh, tá arrumadinha, clarinha, e eu até já gosto! 🙂

    Pois,João Silva, isso eu já sabia. A minha dúvida é porque é que, depois de tanto tempo e de tantas pessoas já terem tentado esclarecer isso mesmo, os senhores das notícias insistem em escrever mal?!

    É porque a dúvida, apesar de antiga e fora de moda, é persistente… Né Asulado? Nessa tua questão (que me passou completamente ao lado, confesso!) a dúvida deveria era estar entre Trinidad y Tobago – a versão original e Trindade e Tobago – a versão portuguesa. E se dizemos Londres e não London, porque haveríamos de dizer Trinidad y Tobago?

    Instrução, queirosene? E porque não? De certeza que depois de rebentarem com elas todas, na hipótese remota de ainda sobrarem pessoas, nunca lhes passaria pela cabeça repetir a brincadeira. Digo eu, sei lá…

    Ó Roma, tu por favor… Se estás a pensar descalçar-te, que seja bem longe aqui do berloque!

  7. Antônio Roberto Nascimento said,

    Massiva é burrice homérica. Não precisamentos desse estrangeirismo, pois já temos maciça. Nascimento

    • catarinia said,

      Caro Antônio Roberto Nascimento,

      Na Língua Portuguesa, o significado de Massivo é:

      mas·si·vo
      adjectivo
      1. [Gramática] Diz-se do substantivo que representa algo que normalmente não se pode contar ou cujas partes não se podem, em geral, enumerar
      2. Que ocorre ou se verifica em grande quantidade.
      3. Relativo às massas, a um grande número de pessoas.

      Ainda na Língua Portuguesa, o significado de Maciço é:

      ma·ci·ço
      adjectivo
      1. Compacto, sem cavidades.
      2. Que não é oco, cheio de outra matéria.
      3. [Figurado] Cerrado, denso.
      4. Que é ou parece espesso, pesado.
      5. Grosso, sólido.
      6. Inabalável.
      7. Valioso.

      Como vê, na Língua Portuguesa Massivo e Maciço são duas palavras diferentes, e como têm significados completamente distintos precisamos muito das duas.

      Lamento profundamente que considere a Língua Portuguesa como um estrangeirismo. O que no fundo só prova o quão ridículo e adulterante este acordo ortográfico é.

      Já agora deixo-lhe o significado de outra palavra da Língua Portuguesa que talvez lhe dê jeito conhecer. Pense nela da próxima vez que lhe apetecer usar a expressão “burrice homérica”.

      in·so·lên·ci·a
      substantivo feminino
      1. Manifestação do orgulho das pessoas que se elevam acima da sua condição.
      2. Acto ou dito insolente.
      3. Desaforo.
      4. [Pouco usado] Modo insólito de obrar.

      Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: